Assista “House of Cards”!

“Será melhor repreender o sistema ou vivê-lo?”[paráfrase], Passos.

6 temporadas, 73 capítulos e um Kevin Spacey antes da “queda”, nos presenteando com um alto nível de atuação. Essa é House of Cards (HoC), série que inaugurou as produções de selo original Netflix.

A trama se desenvolve a partir de um parlamentar norte-americano, democrata (Kevin Spacey), que sedento por poder ultrapassa os limites da ética e da moral para obter o sucesso individual. Spacey – vencedor de dois Oscars, 1996 por The Usual Suspects e 2000 por American Beauty – empresta sua personalidade ao internalizar o personagem Francis J. Underwood ou Frank Underwood de maneira bastante convincente. Quebra da quarta parede, roteiro imprevisível e até mudança de protagonista são alguns dos ases dessa série que teve a força de chancelar produções subsequentes para a Netflix.

Por este motivo, listando 5 razões, quero te encorajar a dar uma chance para HoC, mesmo que tenha lido a sinopse 1079 vezes no menu:

1. Aborda as relações de poder quase que minuciosamente. Frank é um político audacioso, não tira nada por menos e consegue resolver problemas ultra-complexos. Para isso, precisa se envolver com lobistas, empresários, congressistas, imprensa e justiça. A série revela essas associações sem nenhuma cautela e portanto aguça cada vez mais a curiosidade do espectador.

2. O roteiro é dinâmico na medida em que precisa ser. Vitória, derrotas, reviravoltas, drama, suspense e ação são distribuídos de forma bastante estratégica.

3. Segundo a crítica especializada, Frank Underwood é um dos maiores anti-heróis do século XXI (uau!). Sem escrúpulos, perverso, ambicioso, maquiavélico, enxadrista e ao mesmo tempo sedutor e conquistador, Underwood convence o espectador de suas ações e o transforma num fã enrustido de suas conveniências.

4. Política é um assunto polêmico, mas necessário. Temos poucos produtos de entretenimento que abordam esse assunto. HoC faz lembrar do contexto político brasileiro e do modus operandi* que precisamos compreender.

5. O melhor da série, sem dúvida nenhuma, são os diálogos. Qualificações de personagens marcantes como a de Remy Danton – interpretado por Mahershala Ali (vencedor do Oscar de melhor ator coadjuvante em 2019) são memoráveis. Francis esbanja ironia, cinismo e sarcasmo. Nas quebras da quarta parede ilude o espectador e o faz aceitar que melhor que repreender o sistema, é viver o sistema.


*Modo de operação.

ede0755338e6a4e41de86c09614db4f9_decorative-underline-clipart-clipartfest-drawing-art-_370-370

WhatsApp Image 2018-12-03 at 20.11.51

Diogo Passos, administrador de empresas e realista por hábito (dizem…).

2 comentários sobre “Assista “House of Cards”!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s